Ethereum, o segundo maior criptomoeda após o Bitcoin é uma plataforma baseada em blockchain para criar aplicativos descentralizados (dapps).

Onde o Bitcoin foi projetado como uma moeda e uma reserva de valor, o Ethereum é uma rede descentralizada para executar contratos inteligentes—código que roda em uma rede peer-to-peer e é verificado pelo blockchain da Ethereum.

A ideia é criar aplicativos seguros, transparentes e resistentes à censura, já que não dependem de plataformas centralizadas.

O Ethereum tem sido usado como a camada de software subjacente para tudo, desde finanças descentralizadas (DeFi) aplicações, para “jogar para ganhar” jogos usando tokens não fungíveis (NFTs).

Em última análise, muitos acreditam que o Ethereum poderia sustentar uma re-imaginação de como a internet funciona, apelidada de “Web3”, na qual o controle da internet é desarremediado por grandes empresas como Amazon e Facebook.

Nosso guia super simples ajudará você a entender a grande ideia do Ethereum e o papel que o Ether desempenha nessa visão.

O que é Ethereum?

Ethereum, o segundo maior criptomoeda depois de bitcoiné uma plataforma baseada em blockchain para criar aplicativos descentralizados (dapps).Onde o Bitcoin foi projetado como uma moeda e uma reserva de valor, o Ethereum é uma rede descentralizada para executar contratos inteligentes—código que roda em uma rede peer-to-peer e é verificado pelo blockchain da Ethereum.A ideia é

Se o Bitcoin é o disquete do blockchain, o Ethereum é o CD: é uma evolução da tecnologia. O que o Bitcoin provou foi que uma moeda pode ser criada por uma comunidade e enviada e recebida por qualquer pessoa com uma carteira de criptomoeda. Também resolveu o bastante complicado gasto duplo questão.

O que a Ethereum provou, no entanto, é que o blockchain pode fornecer muito mais do que apenas uma reserva de valor. Pode ser usado para organizar pessoas, ideias, empresas, dinheiro, serviços, etc. Se algo pode ser escrito em código e usado por um contato inteligente pode ser construído em Ethereum.

Essa ideia simples levou as pessoas a usar o Ethereum para gerenciar propriedades e ações, criar redes sociais e aplicativos financeiros, desenvolver jogos e até mesmo construir uma nova nação.

Ether é a criptomoeda que a Ethereum usa para construir e manter sua rede. As subunidades do Ether, Gwei e Wei, receberam o nome de Wei Dai, um pioneiro das criptomoedas.

Quem inventou o Ethereum?

Um programador de computador russo/canadense chamado Vitalik Buterin escreveu o white paper no qual o Ethereum se baseia. No entanto, a construção da rede e da comunidade foi auxiliada por vários cofundadores: Anthony Di Loria, Charles Hoskinson, Miha Alisie, Amir Chetrit, Joseph Lubin e Gavin Wood.

Uma breve história do Ethereum

  • Novembro de 2013 — Vitalik Buterin escreve um whitepaper explicando o conceito de Ethereum.
  • Janeiro de 2014 — Ethereum é anunciado publicamente.
  • Julho de 2014 — Ethereum lança uma ICO usando Bitcoin para comprar Éter.
  • Junho de 2016 — $50 milhões em Ether são roubados de um crowdsale e os desenvolvedores do Ethereum concordam em reverter a decisão criando um ‘hard fork’.
  • Março de 2017 — Um grupo de empresas, incluindo Toyota, Samsung, Microsoft, Intel e JP Morgan, estabelece a Enterprise Ethereum Alliance, uma organização sem fins lucrativos projetada para tornar o Ethereum adequado para grandes negócios.
  • Dezembro 2020 — O Beacon Chain entra em funcionamento, a primeira fase de uma atualização abrangente conhecida como Ethereum 2.0 que eventualmente verá a rede mudar para uma prova de participação mecanismo de consenso.
  • Março de 2021 — Visa começa a usar a blockchain Ethereum para liquidar stablecoins transações.
  • Abril de 2021 — O hard fork de Berlim entra em operação, reduzindo os custos de gás na rede.
  • Agosto de 2021 — O hard fork de Londres introduz taxas básicas para todas as transações e queima as taxas de transação em vez de alocá-las aos mineradores.

O que há de tão especial no Ethereum?

A Ethereum está pegando a tecnologia em que o Bitcoin é construído e transformando-a em mais do que uma moeda. Ele permite que os desenvolvedores criem aplicativos — eles são chamados de dapps ou ‘aplicativos descentralizados’ no mundo Ethereum — a partir de contratos inteligentes. Escrevemos um artigo explorando dapps e contratos inteligentes com mais detalhes.

Você pode até construir sua própria moeda em cima do Ethereum. Escrevemos um artigo explorando as moedas do Ethereum nas moedas.

Se o Bitcoin é o ouro do mundo das criptomoedas, o Ethereum é o petróleo que alimenta as máquinas.

Vitalik Buterin surgiu com o nome Ethereum após navegar pelos artigos da Wikipédia sobre elementos e ficção científica.

O que é ether e como é produzido?

Ether é a criptomoeda que a Ethereum usa para construir e manter sua rede. De maneira semelhante ao funcionamento do Bitcoin, os mineradores criam o Ether criando blocos e resolvendo quebra-cabeças, uma técnica conhecida como mineração.

Aproximadamente a cada 15 segundos, um novo bloco é adicionado ao blockchain Ethereum, com o computador ou minerador que resolve o quebra-cabeça no centro do bloco sendo recompensado com Ether.

Ethereum atualmente usa o mesmo prova de trabalho técnica de mineração como Bitcoin. No entanto, tem planos de mudar para uma técnica diferente conhecida como prova de aposta em uma atualização amplamente conhecida como Ethereum 2.0.

Como você consegue o ether?

Você pode comprar Ether em uma exchange de criptomoeda tal como Coinbase ou (por enquanto) você mesmo pode se tornar um mineiro!

Quais aplicativos foram criados no Ethereum?

  • 👥 Redes Sociais — Seja pago por suas postagens em dapps de mídia social.
  • 📁 Armazenamento de arquivos — Armazenamento de arquivos descentralizado por uma fração do preço.
  • 💸 Pagamentos no Exterior — Reduzindo drasticamente o custo de envio de dinheiro para o exterior.
  • 💳 Cartões de pagamento — Cartão de débito sem contato para pagar em Ethereum e outras criptomoedas.
  • 👀 Publicidade online — Cortando os intermediários em anúncios online. Os usuários são pagos diretamente para assistir a anúncios online.
  • 💱 Exchangesexchanges descentralizadas (DEX) tal como Uniswap permitem que os usuários negociem criptomoedas peer-to-peer, sem intermediários.
  • 🏦 Empréstimos — Empréstimos garantidos por blockchain sem verificações de crédito.

O futuro do Ethereum

Ethereum quer ser a plataforma na qual todos os aplicativos descentralizados são construídos. No entanto, experimentou algumas dores de crescimento. Um dos maiores desafios tem sido a velocidade das transações.

Para que o Ethereum se torne a rede para todos os aplicativos descentralizados, ele deve permitir que mais transações ocorram ao mesmo tempo. Atualmente, ele lida com 15 transações por segundo, em comparação com o Visa, que pode lidar com até 24.000 transações nesse período. Ethereum tem um longo caminho a percorrer.

Como resultado de baixas velocidades de transação, os usuários foram historicamente forçados a pagar altas taxas de gás para forçar suas transações.

Para acelerar os tempos de transação e reduzir as taxas de gás, os desenvolvedores criaram soluções de dimensionamento, como Polígono e Arbitrum, que trabalham processando transações fora da cadeia antes de finalizá-las no blockchain principal da Ethereum.

Além de mover a rede para proof of stake, a próxima atualização do Ethereum 2.0 busca lidar com velocidades lentas de transação e taxas de gás.

Outro desafio que o Ethereum enfrenta é dos chamados ‘Ethereum killers’ — outros blockchains de contratos inteligentes que buscam melhorar as limitações do Ethereum.

Eles incluem redes como solana, cardano, polka dots, etc. Todas essas redes estão tentando aumentar a velocidade sem comprometer a segurança. Quem quebrar essa combinação primeiro desbloqueará o futuro descentralizado.

Info

Depósito: $ 10 máx. Alavancagem: 1:1000 Plataformas de negociação: IQ Option e APP.

100%
Pontuação de Confiança

Posts Relacionados

Ethereum, o segundo maior criptomoeda depois de bitcoiné uma plataforma baseada em blockchain para criar aplicativos descentralizados (dapps).Onde o Bitcoin foi projetado como uma moeda e uma reserva de valor, o Ethereum é uma rede descentralizada para executar contratos inteligentes—código que roda em uma rede peer-to-peer e é verificado pelo blockchain da Ethereum.A ideia é

banner image

Ethereum, o segundo maior criptomoeda depois de bitcoiné uma plataforma baseada em blockchain para criar aplicativos descentralizados (dapps).Onde o Bitcoin foi projetado como uma moeda e uma reserva de valor, o Ethereum é uma rede descentralizada para executar contratos inteligentes—código que roda em uma rede peer-to-peer e é verificado pelo blockchain da Ethereum.A ideia é

Cripto

Ethereum, o segundo maior criptomoeda depois de bitcoiné uma plataforma baseada em blockchain para criar aplicativos descentralizados (dapps).Onde o Bitcoin foi projetado como uma moeda e uma reserva de valor, o Ethereum é uma rede descentralizada para executar contratos inteligentes—código que roda em uma rede peer-to-peer e é verificado pelo blockchain da Ethereum.A ideia é


Ethereum, o segundo maior criptomoeda depois de bitcoiné uma plataforma baseada em blockchain para criar aplicativos descentralizados (dapps).Onde o Bitcoin foi projetado como uma moeda e uma reserva de valor, o Ethereum é uma rede descentralizada para executar contratos inteligentes—código que roda em uma rede peer-to-peer e é verificado pelo blockchain da Ethereum.A ideia é

Ethereum, o segundo maior criptomoeda depois de bitcoiné uma plataforma baseada em blockchain para criar aplicativos descentralizados (dapps).Onde o Bitcoin foi projetado como uma moeda e uma reserva de valor, o Ethereum é uma rede descentralizada para executar contratos inteligentes—código que roda em uma rede peer-to-peer e é verificado pelo blockchain da Ethereum.A ideia é